top of page

O poder de uma jovem, o poder de uma poesia


Por muito tempo eu me cobrei ter uma técnica perfeita em qualquer coisa que eu escolhesse estudar, então quando entendi que eu gostava de estar em público achei que devia estudar teatro para valer. Nessa caminhada me cobrei muitas vezes ter uma técnica perfeita, e aprender e decorar todos os caminhos possíveis para chegar a uma boa atuação.

Por alguns anos estudei e trabalhei só com teatro, depois resolvi dar um tempo para repensar minha caminhada. Durante esse período me atrevi a trabalhar em outras coisas como produzir exposições, fazer assessoria de imprensa, ter minha própria empresa etc...

Agora, mais distanciada do fato, depois de ouvir muitos artistas experientes na área da dança, da música e do teatro, entendi de verdade que a técnica é importante, mas o que defini uma boa atuação é o seu coração estar de verdade em cena, e isso é de tudo o que mais importa.

Bom, digo tudo isso após assistir a leitura do texto “Só Energia” escrito por Dell Delambre lido por uma menina que faz parte do projeto que a Marinha do Brasil, CEFAN, RJ e a Pastoral do Menor possuem parceria em prol dos jovens moradores de comunidades carentes da zona norte do Rio de Janeiro desde 2008.

A leitura aconteceu no dia 27 de novembro de 2017 no auditório da Marinha do Brasil, Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes, CEFAN, RJ. Nessa ocasião, a WTS, empresa de sustentabilidade e formação de liderança premiava o CEFAN com a certificação WTS 55, Uso de Energias Renováveis, por ter instalado um sistema fotovoltáico para o uso de energia solar entre outras ações sustentáveis.

O combinado era de que ao final da cerimônia uma criança leria um texto em homenagem as ações do CEFAN. A princípio ,quando a menina se aproximava do microfone eu pensei... “ela é muito grandona, não é uma criança, não vai combinar com o que está escrito no texto”, ela tinha um jeito tímido, era muito alta e linda!

Mas, quando ela leu o texto, eu me desmanchei de esperança, alegria e amor, ... E na luz que transbordava daquele coração sensível e doce como uma menina, mas corajoso e forte como uma mulher guerreira, que se revelava através daquelas palavras e da coragem de estar tão transparente diante de uma plateia tão diversa de militares, juízes, empresários e artistas.

Durante aqueles segundos, minha mente parou no nada e eu reencontrei minha força, minha alegria e meus sonhos de menina e mergulhei na coragem daquele coração ali exposto de maneira tão sincera e tão cheio de energia! Vou compartilhar aqui com vocês o texto que ela leu:

Só Energia

O futuro já nasceu, estamos vivos. Gostaria de brincar, correr e crescer num país muito melhor. Como é bom sair de casa e encontrar meus amigos. Gosto de cantar e conversar sobre o nosso dia. Eu tenho muitos sonhos, gente. Muitos mesmo. Mas eu também fico triste às vezes.

Um dia, eu perguntei para minha mãe como o mundo estará amanhã? Eu vi no Youtube que alguns animais estão morrendo por causa da poluição!

Minha mãe me disse que tudo depende de nós; se nós cuidarmos um do outro e da natureza, os animais poderão viver e nós teremos uma saúde melhor. Ela disse também que se a gente guardasse a água da chuva, as ruas não ficariam cheias. Todos precisam fazer a sua parte.

Teve um dia que eu fiquei tão triste! Eu sonhei que nós não podíamos mais respirar por causa de tanta poluição. Eu não podia brincar com meus amigos. Os professores chegavam cansados na escola e muitos amigos ficaram doentes.

Quando eu acordei, meu coração estava acelerado. Mas eu fiquei feliz porque tudo era sonho. Eu tinha dormido demais, era a hora de vir para a Marinha. Estava triste por causa do sonho. Mas eu olhei para o céu e tinha tanto sol.

Engraçado gente! O sol esquentou meu coração. Eu ganhei energia para o dia todo. O Sol me deu outra vida e eu fiquei feliz. Sabe o que aconteceu depois? Eu chorei. É mesmo, eu chorei porque eu não podia agradecer o sol. Ele levou minha tristeza e me deu vida, tudo de graça; só apareceu lá no céu, me deu nova energia e esquentou meu coração.

O sol foi meu dia de felicidade e alegria.

Agora é sol energia!

Autor: Dr. Dell Delambre

bottom of page